Competição de milho tiguera com a cultura do feijão

Publicado em: 31/01/2022
Compartilhe:

Vários fatores influenciam na construção do potencial produtivo de uma lavoura de feijão, dentre eles, a competição com plantas daninhas. É comum na pós-colheita da cultura do milho a presença de grãos, espigas quebradas, oriundas de perdas no processo de colheita, que irão germinar em diferentes períodos.

É importante destacar que na implantação da cultura do feijão em áreas com milho “tiguera” já germinado, o impacto negativo sobre a produtividade será maior, visto que o milho é uma planta com grande capacidade competitiva, sendo de fundamental importância a implantação da cultura do feijão “no limpo”. Já os fluxos de emergência de milho “tiguera” após a implantação da cultura devem ser manejados com a utilização de herbicidas graminicidas, a fim de evitar a competição inicial com a cultura do feijão, e permitindo assim a expressão do máximo potencial produtivo da cultura.

 

Autor(a)

Dr. Renan Teston

FOTOS MAIS ACESSADAS:
VOCÊ PODE GOSTAR: