Qualidade da semente de soja: desafios para safra 2020/21 Publicado em:
Para assistir ao vídeo, clique aqui e torne-se Premium

A safra 2020/21 traz um desafio no que diz respeito à qualidade fisiológica e sanitária das sementes de soja, tendo em vista as condições climáticas desfavoráveis observadas na safra passada, e que resultaram em problemas, como danos mecânicos, devido à baixa umidade no momento da colheita, e sanitários, pela presença de patógenos.

Sendo assim, observar a origem da semente adquirida e realizar testes de germinação e de patologia são cuidados que, principalmente nesta safra, devem ser tomados. Assim, é possível realizar todas as medidas necessárias para que o estande inicial de plantas seja satisfatório, pois é o início da definição do potencial produtivo da lavoura de soja.

 

Confira também:

Autor(es)