Porque os polinizadores são tão importantes para a produção agrícola? Publicado em:

Neste conteúdo você vai saber mais sobre:

  • Polinização
  • Diferentes polinizadores
  • Importância da polinização

 A importância da polinização vem sendo debatida há décadas, no entanto, com as mudanças climáticas e ambientais ocorridas nos últimos anos, esse assunto tem recebido mais ênfase. 
Devido às características ambientais brasileiras, à diversidade de culturas e ao clima, podemos ter uma atuação muito mais efetiva na agricultura, considerando a polinização como bioinsumo para aumentar a produção. São também essenciais, políticas públicas que ajudem a criar a consciência de como podemos evitar a geração de carbono para o ambiente e reavaliarmos o consumo de água (MAPA, 2020). No entanto, a polinização na agricultura contribui, não somente para aumento de produção, como também para a variabilidade genética das plantas e qualidade dos frutos.

Você conhece todos os diferentes grupos de polinizadores?

São muitos os polinizadores, os quais são muito relevantes para a produção agrícola.
Temos polinizadores vertebrados (aves, morcegos, pequenos mamíferos e répteis) e invertebrados, que são na maioria insetos (vários tipos de abelhas, moscas, mariposas, borboletas, besouros, entre outros) (CGE, 2017) (Figura1).

Grupo-de-polinizadores-porcentagem-cultivos-polinizados-por-cada-grupo-polinizador
Figura 1. Grupo de polinizadores e porcentagem de cultivos polinizados por cada grupo polinizador. Fonte: Elevagro, adaptado de BPBES (2018).

No entanto, as abelhas são os polinizadores mais representativos, com seus corpos cobertos de pelos (Figura 2), aos quais aderem os grãos de pólen durante a visita às flores. Estes insetos possuem uma anatomia e tamanhos muito variáveis, são abundantes em todos os biomas, apresentando uma riqueza de variedades de espécies. 
Visitam mais de 90 % dos 107 principais cultivos agrícolas já estudados no mundo. Três de cada quatro culturas que produzem frutos ou sementes para consumo humano no mundo dependem, pelo menos em parte, de abelhas e outros polinizadores (JÚNIOR, 2016).

abelha-coberta-de-polen-atuando-na-polinizacao-do-girassol
Figura 2. Abelha coberta de pólen atuando na polinização do girassol. Fonte: Elevagro (2019).

De acordo com Wolowski et al. (2019), a polinização é essencial para a produção de abóbora, acerola, caju, castanha-do-brasil, maçã, melancia, melão, dentre outros. Os cultivos que apresentam alta dependência de polinizadores incluem abacate, ameixa, berinjela, canola, cebola, erva-mate, girassol, goiaba, guaraná, jambo, palmito, pepino, pêssego, entre outros. Outros cultivos considerados por sua dependência modesta dos polinizadores são: amora, café, soja, laranja, pimenta, feijão e tomate.
No entanto, debates e estudos estão sendo divulgados por órgãos governamentais, incluindo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), ressaltando a importância da polinização para aumentar a produção em culturas de grande relevância agrícola no Brasil, como a soja e o café.

Você ainda tem dúvidas sobre a importância da polinização? 

Hoje os agricultores têm acesso a todos os tipos de tecnologia para aumento de produção, controle de pragas, solos, doenças etc. Empresas europeias especializadas na produção de bumblebees para utilização na polinização assistida vêm crescendo e se espalhando pelo mundo. No Brasil, o setor de apicultura também vem investindo e contribuindo para uma agricultura sustentável ao fornecer esse tipo de serviço.
O produtor brasileiro, há algum tempo, tem modificado seu comportamento e entendimento sobre a necessidade de preservação do meio ambiente e está investindo em alternativas mais sustentáveis, como a utilização do manejo integrado de pragas (MIP), a utilização de produtos seletivos, biológicos, entre outros. Mas, mesmo diante de todos esses recursos, ainda é necessário que os países melhorem suas práticas de agricultura, para garantir que a produção seja suficiente para cobrir a demanda e evitar perdas econômicas, garantindo assim a segurança alimentar.

REFERÊNCIAS

Relatório temático sobre polinização, polinizadores e produção de alimentos
POLINIZAÇÃO pode aumentar a produtividade de culturas de grande importância agrícola no Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, 2020. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/noticias/polinizacao-pode-aumentar-a-produtividade-de-culturas-de-grande-importancia-agricola-no-brasil. Acesso em: 21 fev. 2021.
 
WOLOWSKI, Marina et al. Relatório Temático completo: polinização, polinizadores e produção de alimentos no Brasil. São Carlos, SP: Editora Cubo, 2019. Disponível em: https://www.bpbes.net.br/produto/polinizacao-producao-de-alimentos/. Acesso em: 27 ago. 2021.

CGEE. Importância dos polinizadores na produção de alimentos e na segurança alimentar global. Brasília, DF: Centro de Gestão e Estudos Estratégicos, 2017.

JÚNIOR, Edgard. Insetos polinizadores ajudam a garantir segurança alimentar. Nações Unidas, 2016. Disponível em: https://news.un.org/pt/story/2016/12/1570901-insetos-polinizadores-ajudam-garantir-seguranca-alimentar. Acesso em: 21 fev. 2021.
 
DIA Internacional das Abelhas: polinizadoras essenciais para o futuro dos alimentos. FAO no Brasil, 2019. Disponível em: http://www.fao.org/brasil/noticias/detail-events/pt/c/1195001/. Acesso em: 21 fev. 2021.

Confira também!

Autor(es)