Interações entre herbicidas: conheça interações antagônicas

Publicado em: 16/02/2022
Compartilhe:

Exemplos de herbicidas que apresentam interações antagônicas.

Neste material você vai conhecer um pouco mais sobre:

  • Associação de herbicidas
  • Interações antagônicas
  • Exemplos de interações antagônicas

A associação ou mistura de herbicidas baseia-se na utilização simultânea ou sequencial de dois ou mais produtos aplicados sobre a mesma área ou cultura. Além do uso de misturas em tanque, a aplicação de herbicidas na modalidade sequencial vem se mostrando uma alternativa interessante para o controle de plantas daninhas.

Interações  devido a misturas ou aplicação sequencial de herbicidas podem ocorrer antes, durante ou após a aplicação. Os herbicidas podem interagir física ou quimicamente na solução de pulverização (calda) ou biologicamente na planta. Estas interações podem gerar incompatibilidade na calda e/ou efeito sinérgico, aditivo ou antagônico na planta, em relação ao efeito de cada herbicida utilizado isoladamente.


Interações antagônicas entre herbicidas frequentemente causam ineficiência no controle de plantas daninhas. As interações negativas entre herbicidas em mistura/sequencial podem ser atribuídas a alterações na quantidade de um herbicida que atinge seu sítio de ação através de mudanças na absorção, translocação ou metabolismo causadas pela presença do outro herbicida. A interação entre os herbicidas pode vir a afetar a ligação destes no local de ação, reduzindo seu efeito. Cerca de 80% das interações antagônicas ocorrem em espécies da família Poaceae (gramíneas).

A associação entre herbicidas em mistura ou sequencial é dependente das doses utilizadas, das espécies vegetais, da época de aplicação, do estádio de desenvolvimento da planta e da compatibilidade bioquímica entre os mecanismos de ação dos herbicidas.

Na Tabela 1, podemos observar algumas interações antagônicas entre herbicidas, de acordo com estudos realizados e publicados.

Tabela 1. Interações antagônicas entre herbicidas (revisão de literatura)
Tabela 1. Interações antagônicas entre herbicidas (revisão de literatura)


Autor(a)

Drª. Camila Pinho

MATERIAIS MAIS ACESSADOS:
VOCÊ PODE GOSTAR: