Confira a importância do manejo de solo para o sucesso no cultivo da batata

Publicado em: 16/02/2022
Compartilhe:

Características de solo e tratos culturais importantes no cultivo da batata.

O solo tem uma importância especial para a cultura da batata, pois o sistema radicular desta cultura é delicado e raso, e por mais que possa se desenvolver a até 1 metro de profundidade, a maior parte das raízes e dos tubérculos estão na camada de 0 a 30 centímetros. Esta particularidade faz com que a batata seja uma cultura muito exigente em termos de solo e de fertilidade, apresentando respostas significativas à adição de nutrientes ao solo. Mesmo podendo ser considerada uma cultura com certa tolerância à acidez do solo, a batata também responde positivamente à aplicação de corretivos da acidez. 


Figura 1. Lavoura de batata sendo implantada. Fonte: Elevagro
Figura 1. Lavoura de batata sendo implantada. Fonte: Elevagro

Portanto, é preciso que o solo escolhido para o cultivo de batata seja capaz de oferecer condições que permitam o adequado desenvolvimento das raízes e dos tubérculos, que são o objetivo do cultivo. Assim, o preparo de solo e o plantio devem garantir rápida emergência das plântulas e ao mesmo tempo possibilitar que as raízes se desenvolvam de forma a explorar o maior volume de solo possível, além de oferecer boa drenagem.


Outro ponto importante relacionado ao solo, é que os tubérculos precisam estar cobertos por uma camada suficiente de solo, caso contrário, eles adquirem uma coloração esverdeada e ficam suscetíveis ao ataque de pragas e patógenos, depreciando o produto. 

Assim, um trato cultural importante nesta cultura é a amontoa, que é um processo por meio do qual o solo é movimentado e direcionado para a base das plantas de cada lado da fileira, dando forma a um camalhão de 20 cm de altura, aproximadamente. A amontoa tem como finalidade proteger os tubérculos do contato com o sol, o que prejudica a qualidade do produto e inviabiliza seu consumo, e também promove o controle de plantas daninhas.

Figura 2. Lavoura de batata. Fonte: Elevagro.
Figura 2. Lavoura de batata. Fonte: Elevagro.

Tradicionalmente, esta prática é realizada por volta de 25 a 30 dias após o plantio, quando as hastes das plantas apresentam de 25 cm a 30 cm de altura. Ainda pode ser realizada outra amontoa um mês após a primeira, para garantir que os tubérculos estarão cobertos de solo e protegidos do sol. 

Está se tornando comum a antecipação da amontoa, que passa a ser o primeiro trato cultural após a germinação, para evitar os danos causados às plantas quando este processo é feito tardiamente.

A amontoa é uma prática de manejo de solo que deve ser realizada com cuidado, para não provocar danos aos tubérculos e à parte aérea da planta, o que poderia permitir a entrada de patógenos, como os causadores de rizoctoniose, murcha-bacteriana, podridão-seca e podridão-mole. Para proteger a parte do caule que será coberta durante esta operação mecanizada, comumente é feita a pulverização do campo imediatamente antes da amontoa com fungicidas cúpricos.

Referências:

FERNANDES, A. M. et al. Como plantar batata: preparo de solo. Embrapa Hortaliças
Sistemas de Produção. ISSN 1678-880X. Versão Eletrônica. 2. ed. Disponível em https://www.embrapa.br/hortalicas/batata/preparo-do-solo. Acesso em: 12 maio 2021.


Autor(a)

Caroline Maria Rabuscke

MATERIAIS MAIS ACESSADOS:
VOCÊ PODE GOSTAR: