Panorama atual da transgenia no mundo Publicado em:

Conheça os números da utilização dos transgênicos no mundo.

A demanda por alimentos no mundo tem crescido a cada ano. Com o avanço da tecnologia e da qualidade de vida, a população do globo tem aumentado e estima-se que em 2050 possa chegar perto de 10 bilhões de pessoas.

Os transgênicos somaram-se, assim, como mais um aliado para impulsionar a agricultura rumo a uma produção de alimentos cada vez maior, a fim de suprir esta demanda. Desde a chegada desta biotecnologia, ou seja, do primeiro plantio de uma cultura GM (Geneticamente Modificada), já se passaram 25 anos.

Até 2018 havia 17 milhões de agricultores plantando culturas GM, sendo 95% em países em desenvolvimento. Ao todo, 26 países plantaram 191,7 milhões ha de transgênicos em 2018, contra 1,7 milhão ha em 1996. No total, 44 países importaram produtos transgênicos. A maioria dos países que não plantam transgênicos está na Europa, sendo que na América do Norte e do Sul, praticamente todos cultivam plantas GM.

Veja como está o uso das transgênicas no mundo e a área plantada com esta biotecnologia:

O uso de plantas GM em agricultura visa a aumentar a produtividade vegetal. A aplicação de técnicas de biologia molecular na produção dessas plantas tem a finalidade de tornar as plantas mais eficientes e capazes de suportar condições adversas impostas pelo ambiente ou pelo ataque de pragas e doenças, de serem mais nutritivas, entre outras várias características desejadas.

 

Gostou do tema e quer saber mais sobre transgênicos e por que usá-los na agricultura?

CONHEÇA O CURSO

 

Confira também!

Autor(es)