Controle biológico de Diatraea saccharalis com Cotesia flavipes

Publicado em: 17/12/2021
Compartilhe:

A broca-da-cana,  Diatraea saccharalis, é uma importante praga para a cana-de-açúcar, pois ocorre durante todo o desenvolvimento desta cultura. Como as lagartas ficam dentro do colmo, após sua entrada, tornam-se um alvo muito difícil de ser atingido por produtos químicos (inseticidas), impossibilitando o controle químico.  Uma alternativa viável, neste contexto, é o controle biológico realizado por meio da liberação de uma vespinha (Cotesia flavipes (Cameron, 1891) Hymenoptera: Braconidae) que consegue localizar a broca e parasitá-la no interior do colmo. 

Neste vídeo, a especialista no assunto, Drª Eloisa Salmeron, aborda o controle biológico da broca-da-cana, mostrando diferentes agentes de controle que podem ser empregados em diferentes fases da praga, dando ênfase à Cotesia flavipes.

 

Gostou deste conteúdo e quer saber mais sobre o controle biológico na cana-de-açúcar? Clique no link abaixo e veja o curso do qual este conteúdo faz parte.

Autor(a)

Drª. Eloisa Salmeron

VÍDEOS MAIS ACESSADOS:
VOCÊ PODE GOSTAR: