Ocorrência de lagartas Spodoptera eridania em lavoura de soja Intacta em Pirajuba/MG

Publicado em: 07/03/2016
Compartilhe:

Pesquisadores do Instituto Phytus identificaram lagartas da espécie Spodoptera eridania atacando áreas de soja em Pirajuba, Minas Gerais. A lavoura foi cultivada com soja da tecnologia Intacta RR2PRO, da qual a praga não é alvo. Os danos causados por essa espécie são a desfolha, podendo atacar vagens e grãos.


Folhas atacadas pelas lagartas

 

As lagartas de S. eridania são inicialmente verdes, depois tornam-se cinzas com três linhas avermelhadas ou amareladas no dorso. Nas linhas laterais, existem vários triângulos de cor escura que apontam para a linha central. A mariposa apresenta hábito reprodutivo noturno, com potencial biológico para aumentar rapidamente sua população em campo, visto que cada fêmea pode colocar mais de 800 ovos (SANTOS et al., 2005).

Essa espécie pode ser considerada um inseto-praga com ocorrência frequente em soja. A tecnologia de soja Intacta tem com alvos principais a lagarta-da-soja (Anticarsia gemmatalis), lagarta-falsa-medideira (Chrysodeixis includens e Rachiplusia nu), broca-das-axilas ou broca-dos-ponteiros (Crocidosema aporema) e a lagarta-das-maçãs (Heliothis virescens).

 

Referências citadas:

SANTOS, K.; MENEGUIM, A.M.; NEVES, P.M.O.J. Biologia de Spodoptera eridania (Cramer) (Lepidoptera: Noctuidae) em diferentes hospedeiros. Neotropical Entomology, v.34, n.6, p.903-910, 2005.


Autor(a)

Dr. Juliano Ricardo Farias

MATERIAIS MAIS ACESSADOS:
VOCÊ PODE GOSTAR: