Desenvolvimento do fruto da romãzeira (Punica granatum L.).

Publicado em: 28/01/2022
Compartilhe:

A romãzeira (Punica granatum L.) é um arbusto lenhoso ramificado, da família Punicaceae (Lythraceae) (SUZUKI, 2016). Tem origem na região que se estende do Irã até o Himalaia, sendo uma planta cultivada desde tempos remotos. A espécie tolera diversos climas: subtropical, temperado quente ou até o tropical, no entanto, exige elevadas temperaturas no momento de maturação dos frutos.

As flores são solitárias, constituídas de corola vermelho-alaranjada e um cálice esverdeado, duro e coriáceo (LORENZI; MATOS, 2002; SALATA, 2005). Os frutos da romã compõem-se de uma baga globosa, do tamanho de uma laranja pequena, de casca coriácea, amarela ou avermelhada manchada de escuro, multilocular, com inúmeras sementes angulosas, cobertas por tegumento espesso, polposo, de sabor doce e ligeiramente ácido (GOMES, 2007).

O esquema a seguir dispõe sobre alguns estados vegetativos e as suas características. 

Autor(a)

Scheila Andrieli Silveira Bones

FOTOS MAIS ACESSADAS:
VOCÊ PODE GOSTAR: